Por, Jota Jota; CONTINUO COM MINHA INDIGNAÇÃO

  É claro que a dupla BA-VI, tem que ter, uma atenção toda especial, nos programas esportivos, e nos espaços dos sites, e dos jornais da Bahia, devido ao que já conquistaram, mas nem por isso, os clubes menores, que participam do certame promovido pela Federação Baiana de Futebol, não mereçam a devida atenção, mesmo … Leia Mais



Governo do Estado lança Editais Setoriais de Cultura 2019

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura (Secult) lança os Editais Setoriais de Cultura 2019. Com objetivo de fomentar a Cultura na Bahia através das diversas modalidades, estão abertas, entre os dias 09 de setembro e 08 de outubro, as inscrições para 19 Editais Setoriais. Informações no site www.cultura.ba.gov.br As chamadas públicas contemplam as … Leia Mais


Agressores de mulheres serão monitorados por tornozeleira eletrônica

A Bahia passa a ter um sistema de monitoração eletrônica de pessoas em casos de violência doméstica contra a mulher. O lançamento da ferramenta foi realizado nesta quinta-feira (22), no auditório do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), em Salvador. Participaram da solenidade os secretários estaduais de Administração Penitenciária e Ressocialização, Nestor Duarte, e de … Leia Mais


Trânsito na ACM será modificado a partir do próximo dia 31; veja o que muda


A partir do dia 31 de agosto, quem precisar passar pela região da Avenida ACM vai encontrar o trânsito modificado. As alterações fazem parte das obras para implantação do BRT em Salvador e foram anunciadas nesta quinta-feira (22), na sede da prefeitura, no Palácio Thomé de Souza. A previsão é que o novo modelo de fluxo se mantenha até o início do próximo ano.

O tráfego da via principal, no sentido Avenida Paralela, será desviado na altura do supermercado Sam’s Club. Quem vier da Avenida Juracy Magalhães precisará acessar a via marginal, voltando novamente à via principal logo após o Walmart.

Já no sentido Lucaia, neste mesmo trecho, serão realizados pequenos desvios: nas imediações do Lar Shopping, a via para os carros ficará mais estreita, passando de quatro para três faixas, para permitir a construção do elevado que será implementado no local.

As mudanças na região também irão modificar o fluxo dos veículos que saem da Rua Cipreste, ao lado do Sam’s Club. O acesso à via principal no sentido Lucaia será bloqueado, e os veículos deverão utilizar a via marginal, sentido Ligação Iguatemi-Paralela (LIP). Da mesma forma, aqueles que saírem da lateral do Sam’s Club, poderão acessar a pista logo após do Walmart. Para quem deseja seguir no sentido Lucaia, a opção é permanecer na Rua da Alfazema e acessar a Avenida Paulo VI, saindo ao lado do Hiper Posto.

As mudanças implementadas na região valem também para os ônibus e não há qualquer alteração especial nas linhas ou localização dos pontos.

Impactos
Ao apresentar as mudanças de trânsito, o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, comentou que todas as alterações foram decididas após trabalho conjunto, que chegou a simular os impactos dos novos roteiros.

“Toda obra que interfere na via pública passa por um planejamento. Essas intervenções são fruto do trabalho de diversos órgãos para diminuir ao máximo os efeitos colaterais de uma obra desse porte. Sabemos que haverá um impacto, uma redução na velocidade média, mas fizemos as simulações para garantir que o trânsito irá fluir, que não ficará travado”, explicou.

O superintendente recomendou ainda que aqueles que usualmente trafegam pela área afetada, quando possível, alterem o seu roteiro para evitar a área, principalmente nos horários de pico.

“O fluxo desse trecho da ACM chega a 200 mil veículos em dias normais. Apesar de todo o planejamento dos órgãos da prefeitura envolvidos no projeto, buscamos causar o menor impacto possível no trânsito. Os condutores deverão dar preferência a vias alternativas, como as avenidas Octávio Mangabeira ou a Mário Leal Ferreira (Bonocô)”, pontuou.

A Transalvador informou que terá as equipes da região afetada reforçada para orientar sobre as mudanças.

BRT
Segundo o secretário de Mobilidade Urbana do município, Fábio Mota, as obras do BRT nos trechos que sofreram alterações têm previsão de entrega para dezembro do próximo ano. Apesar disso, dois viadutos devem ser entregues ainda neste ano, também até dezembro.

“Temos que explicar para as pessoas que essas mudanças são para melhorar toda mobilidade, para que se traga conforto ao transporte público. Para isso, vamos ter que passar por essas mudanças. São temporárias, mas para termos um definitivo melhor”, avaliou.

Construído em três etapas, o BRT de Salvador terá 11,7 km de extensão no trecho entre a Estação da Lapa e a região do Shopping da Bahia. A primeira etapa de obras, entre o Parque da Cidade e a região do Shopping da Bahia, está com as obras 20% concluídas. Atualmente, estão sendo erguidos os viadutos de acesso e saída do Itaigara, que devem ficar prontos até dezembro deste ano. Já o trecho entre a Lapa e o Parque da Cidade já está em licitação.

A linha fará a integração com o metrô nas duas pontas, passando pelas avenidas Vasco da Gama, Juracy Magalhães e ACM, classificadas como regiões muito movimentadas da cidade.

Segundo a prefeitura, haverá ainda uma expansão até a Pituba, que terá seu edital para contratação da empresa publicado até setembro. As obras contarão com implantação de pistas exclusivas para o novo modal de transporte e vias expressas para carros, além de ciclovia.

O trecho completo do modal deve ficar pronto até o final de 2020 e, até 2025, a capital baiana deve ganhar seis novas linhas de BRT.

Fonte: Correio


Jogos Escolares da Bahia mobilizam estudantes baianos da capital e do interior


 Estudantes da rede pública e privada participaram, neste sábado (24), do último dia da etapa estadual dos Jogos Escolares da Bahia 2019. O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, acompanhou a realização de jogos nas diversas modalidades, no Ginásio Poliesportivo de Cajazeiras, em Salvador, e no SESI/Fieb, de Simões Filho. Além disso, o gestor estadual assistiu, no Ginásio de Municipal de Lauro de Freitas, as apresentações de ginástica rítmica. Na oportunidade, conferiu também, no local, a realização da etapa do Circuito Brasileiro de Skate Profissional, que tem apoio do Governo do Estado. O secretário esteve acompanhado, durante toda a agenda, pelo coordenador de Projetos Estratégicos da SEC, Marcius Gomes.

Para o secretário Jerônimo Rodrigues esta é uma oportunidade dos estudantes participarem de uma competição mais estruturada e profissional, proporcionando uma experiência de aprendizagem diferenciada. “Temos mais de mil estudantes que se deslocam de seus municípios para participar desta etapa, passando por uma grande experiência. É claro que quem compete quer ganhar, mas acredito que todos que chegaram aqui já são vitoriosos. O aprendizado está em sair de casa e conviver neste ambiente da prática esportiva e de, muitas vezes, conhecer um amigo ou um local novo, bem como interagir com colegas de outros municípios. Para a Educação, o esporte é uma parte fundamental da formação integral do aluno. Por isso, queremos mobilizar e incentivar as escolas, agregando a prática no currículo do estudante”, afirmou.
A estudante Érica Evangelista, 17, do Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães, em Juazeiro, contou sobre o entusiamo em conquistar a medalha de ouro no Futsal Feminino. “Ficamos muito felizes em ganharmos e nos classificarmos para a etapa Regional. Não foi fácil, mas acreditamos muito na gente. A equipe está empolgada com esta chance de irmos ainda mais longe nas competições de futsal. O esporte tem sido um diferencial para o ambiente escolar”, ressaltou.
No judô, a estudante Ana Carolina Santana, 17, do Colégio Estadual Antonio Balbino, de Madre de Deus, vencedora em 2018, contou como o esporte vem mudando a sua vida. “É sempre uma mensagem que deixo para meus colegas, que nada é impossível. O esporte proporcionou uma transformação para mim. Foi o espaço que, quando achei que não tinha nenhum talento, eu me encontrei. Fui campeã no ano passado e quero seguir competindo e mostrando que sou capaz”, disse.
Também entusiasmada com a competição de ginástica rítmica, a estudante Talita do Nascimento, 13, do Colégio Estadual Raul Sá, declarou o orgulho de representar a escola pública. “Nunca tinha participado de uma seletiva como esta e estou muito entusiasmada. Se pensaram que a escola pública não podia ter bons atletas, estamos mostrando que estavam enganados. Meu objetivo é chegar à final em Blumenau e  quem sabe, ir ainda mais longe”, afirmou.
 
Jogos Escolares da Bahia 2019
A etapa estadual dos Jogos Escolares da Bahia é uma realização do Governo do Estado, por meio das secretarias da Educação (SEC) e do Trabalho, Emprego, Renda e Esportes (Setre) e sua autarquia Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), com apoio da Federação Baiana de Esporte Escolar.
No total, a seletiva estadual das modalidades coletivas dos Jogos Escolares da Bahia reuniu, nesta semana, em Salvador, 900 atletas nas faixas etárias de 12 a 17 anos. Neste sábado (24), este contingente aumentou com a chegada dos atletas que disputaram modalidades individuais, totalizando 1,4 mil estudantes atletas de 12 a 17 anos.
São alunos de escolas públicas e privadas da capital e do interior do Estado que disputaram vagas para a etapa regional dos Jogos Escolares da Juventude, realizada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) em Natal, de 20 a 24 de setembro próximo. Em novembro, o COB realiza a fase nacional, em Blumenau, Santa Catarina.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado


OUÇA NA INTEGRA – o superintendente da SMTT Major Alberto Menezes e o procurador Hilton Ribeiro fala sobre o cancelamento da integração dos ônibus na digital 96,3 Fm com Ailton Borges


OUÇA A ENTREVISTA NA INTEGRA :

 

 

ENTREVISTADOS:

Major Alberto Menezes ( Superintendente da SMTT )

Dr. Hilton Ribeiro ( Procurador da SMTT )

TEMA:  cancelamento da integração do transporte coletivo de Alagoinhas

DATA : 30/08/2019

HORÁRIO: 07: 00 HS

RÁDIO: Digital FM 96,3

PROGRAMA: Jornal digital news

APRESENTADOR : Ailton Borges

 

 


Criminalização da LGBTFobia e feminicídio são debatidos em conferência da IV Semana do Orgulho LGBT de Itinga


Desenvolver campanhas voltadas ao reconhecimento e acolhimento de pessoas LGBT+ em estabelecimentos comerciais, escolas, equipamentos de saúde e outros espaços públicos de Lauro de Freitas. Essas foram algumas das propostas debatidas na Conferência Livre da IV Semana do Orgulho LGBT de Itinga, realizada nesta quarta-feira (21), na Câmara Municipal de Vereadores. A prefeita Moema Gramacho foi homenageada no evento.

Promovida pelo Coletivo de Lésbicas, Bissexuais, Gays, Travestis e Transexuais (CLBGT) de Itinga, a conferência teve como tema “Criminalização da LGBTFobia e Feminicídio e seus impactos”, e reuniu representantes de movimentos LGBT, poder público e sociedade civil. Um reconhecimento à memória de Alex Fraga, ativista LGBT, morto em 13 de abril de 2019 por ato de ódio e LGBTFobia, e apresentações performáticas marcaram a conferencia.

Em análise sobre o cenário político atual do país, a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, ressaltou direitos já conquistados pela população LGBT. “A partir do lançamento do Programa Brasil sem Homofobia, em 2004, tivemos outros avanços nos direitos para pessoas LGBT, como a união homoafetiva, resolução para o nome social, dentre outros, e que hoje estão ameaçados pelo governo federal”, relatou Moema ao contestar o retrocesso no desenvolvimento de políticas públicas.

Ainda no relato de direitos conquistados, Moema destacou que em Lauro de Freitas a garantia do uso no nome social é lei desde seu primeiro mandato à frente do executivo municipal e que também foi de sua autoria o título de utilidade pública ao Grupo Gay da Bahia (GGB). “Precisamos avançar mais nas políticas públicas e não podemos recuar na luta pela permanência dos direitos já garantidos. A sociedade transita pela cultura do ódio, do machismo, racismo, e precisamos desconstruir tudo isso”, completou.

Ao enfatizar que “vidas LGBT importam”, a socióloga Vilma Reis chamou atenção para a criminalização da LGBTfobia aprovada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). “A população LGBT vive diariamente sobre olhares vigiados. Somos pessoas que produzimos ciência, conhecimentos, mas, ainda assim, somos encaradas como descomprometidas. Apesar do reconhecimento do STF, precisamos da garantia de um projeto de lei”, ressaltou. Entre propostas levantadas por Vilma, também está à transformação de locais onde aconteceram crimes contra as pessoas LGBTs em espaços de resistência.

Segundo Flávia Freitas, representante do Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher e População LGBT (GEDEM) do Ministério Público da Bahia, a Constituição Federal repudia a discriminação dos direitos, como consta no artigo 5º – “a lei punirá qualquer discriminação atentatória dos direitos e liberdades fundamentais” – logo, todos os crimes fundamentados na Lei 7.716/89 podem ser aplicados a favor da população LGBT. Flávia também reforçou que uma lei específica para criminalização da LGBTfobia deveria partir do Congresso Nacional.

Ao tratar sobre o histórico de direitos da população LGBT, como também mencionados pela prefeita Moema Gramacho, o advogado Roberto Araújo e vice-presidente da Comissão de Diversidade Sexual da OAB/BA, lembrou a rebelião de Stonewall como marco dos avanços e conquistas da minoria. A revolta de Stonewall, que começou em 28 de junho de 1969 e leva o nome do bar gay que foi atacado pela polícia de Nova York, ficou conhecida como a origem da luta LGBT. Este ano, diversos movimentos do orgulho LGBT do Brasil celebram os 50 anos da rebelião.

Na discussão sobre o feminicídio a coordenadora do Centro de Referência Lélia Gonzalez de Lauro de Freitas, Sulle Nascimento, refletiu a necessidade de implementar estratégias no atendimento público para essas mulheres. “Quando falamos de um serviço de atenção e proteção a mulheres vítimas de violência, devemos também nos preparar para atender todos os públicos”. De acordo com Sule, o número de mulheres lésbicas, bissexuais e transexuais, atendidas em serviços de proteção e de saúde são quase zero se comparado ao de mulheres heterossexuais.

Programação IV Semana

Nesta quinta-feira (22), às 18h, na Escola Solange Coelho em Itinga, o Coletivo CLBGT promove uma roda de conversa sobre “Saúde e Cidadania LGBT+”. Na sexta-feira (23), às 17h, no Teatro Eliete Telles, será realizado o Xirê das Pretas: “Ancestralidade, Resistência, Cultura e Diversidade”. A IV Parada Cultural do Orgulho LGBT+ de Itinga encerra a Semana de atividades no domingo (25), com saída às 13h da pracinha do Terraplac até o Largo do Caranguejo.

Jornalista Laerte Santana

Foto Lucas Lins

ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas


Confira balanço especial do Vitória no 1º turno da Série B


O primeiro turno da Série B acabou nesta quarta-feira (28). A boa notícia: o Vitória cumpriu esta etapa fora da zona de rebaixamento, em 16º, com 20 pontos. E a má: o ritmo de pontuação do rubro-negro ainda é baixo, e sem dúvida terá que melhorar muito na segunda metade do campeonato.

A posição fora do Z4 foi consolidada após o São Bento, que poderia passar o Leão, perder do América-MG por 2×0 no complemento da 19ª rodada. Não há tempo para pensar muito. O segundo turno começa para o Leão já na sexta-feira (30), às 21h30, no Barradão, contra o Botafogo-SP.

Fazendo uma projeção espelhada, o Leão terminaria a Série B com 40 pontos. Desde 2006, quando foram adotados os pontos corridos, a média dos 17º colocados foi de 43,6 pontos. Nenhum time com 40 pontos escapou.

A equipe passou exatos três meses na zona da degola, da 4ª rodada, no dia 18 de maio, até a 15ª, no dia 18 de agosto. Em compensação, chegou à reta final mantendo-se fora do Z4 por quatro rodadas.

A equipe passou exatos três meses na zona da degola, da 4ª rodada, no dia 18 de maio, até a 15ª, no dia 18 de agosto. Em compensação, chegou à reta final mantendo-se fora do Z4 por quatro rodadas.

Osmar Loss, seu antecessor, somou oito em 10 partidas (26,6%). Já Claudio Tencati somou três em quatro rodadas (25%).

Com um elenco que sofreu inúmeras mudanças ao longo do turno, poucos atletas conseguiram se destacar. Quem mais jogou foi o lateral-esquerdo Capa, 16 vezes.

Quem mais atuou como titular, porém, foi o zagueiro Éverton Sena, com 15 aparições. O maior goleador do time foi Anselmo Ramon, autor de quatro gols em 15 jogos.

O camisa 9 ficou bem longe do artilheiro da competição até o momento. Rodrigão, do Coritiba, já balançou as redes 11 vezes em 18 partidas.

O ataque, de fato, não foi o forte do rubro-negro, que fez 18 gols e fechou o turno como 12º no quesito. O melhor foi o Bragantino, com 29.

A defesa, realmente, foi um ponto fraco. Com 27 gols sofridos, só não ficou atrás do São Bento, que levou 29.

FATOR CASA
Outro fator que contribuiu para a reação foi o Barradão. O Leão acabou o turno como 9º melhor mandante, 51,9% de aproveitamento (somou 14 pontos em nove partidas).

O prêmio de melhor mandante foi dividido entre Coritiba e Operário, ambos com 76,7% de aproveitamento (23 pontos em 10 partidas).

Fora de casa é que o Vitória deixou a desejar. Foi o 17º no quesito, com apenas 20% de aproveitamento (seis pontos em 10 jogos). Só ganhou uma vez como visitante, sobre o CRB, já com Amadeu.

Para efeito de comparação, Bragantino e CRB dividiram o posto de melhores visitantes do primeiro turno com 59,3% de aproveitamento ao somarem 16 pontos em nove rodadas – 10 a mais que o Leão.